16 de janeiro de 2018

[Resenha] Uma Sombra na Escuridão

Título: Uma Sombra na Escuridão
Autor: Robert Bryndza
Editora: Gutenberg
Páginas: 336
Ano: 2017
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora


Sinopse: Em uma noite de verão, a Detetive Erika Foster é convocada para trabalhar em uma cena de homicídio. A vítima: um médico encontrado sufocado na cama. Seus pulsos estão presos e através de um saco plástico transparente amarrado firmemente sobre sua cabeça é possível ver seus olhos arregalados. 

Poucos dias depois, outro cadáver é encontrado, assassinado exatamente nas mesmas circunstâncias. As vítimas são sempre homens solteiros, bem-sucedidos e, pelo que tudo indica, há algo misterioso em suas vidas. Mas, afinal, qual é o segredo desses homens? Qual é a ligação entre as vítimas e o assassino?

Erika e sua equipe se aprofundam na investigação e descobrem um serial killer calculista que persegue seus alvos até achar o momento certo para atacá-los.

Agora, Erika Foster fará de tudo para deter aquela sombra e evitar mais vítimas, mesmo que isso signifique arriscar sua carreira e também sua própria vida.

Resenha
A Detetive Erika Foster tem um passado traumático. Há dois anos ela perdeu o marido e alguns colegas durante uma operação, Erika se sente culpada pelas mortes e, desde então, sofre por isso. A detetive foi chamada para investigar um caso que fará o seu passado voltar com tudo e bater de frente com o seu presente de uma maneira muito intensa.

Uma série de homicídios está sendo cometida por um assassino frio, cruel e calculista. As vítimas são encontradas nuas, com mãos e pés amarrados às camas, e em suas cabeças um saco plástico. São mortas por asfixia e com a ajuda de um item muito específico: o saco de suicídio (evita que o suicida consiga rasgar o saco quando estiver sem oxigênio e consiga ir até o fim).
A policia estava procurando por um homem, a hipótese de ser uma mulher sequer chegou a ser cogitada, porém, a Detetive Erika encontrou indícios de que a pessoa por trás dos assassinatos brutais é realmente uma mulher e vai atrás de cada pista para conseguir identificá-la. No entanto, essa mulher, essa assassina, é capaz de compreender Erika como ninguém e enxerga nela aquilo que nem mesmo a própria Erika havia conseguido perceber.
"É engraçado quanto nós temos em comum, a assassina e eu, pensou Erika. Estão duvidando das nossas habilidades por sermos mulheres."
Sem motivação aparente para os assassinatos e sem quaisquer ligações entre eles a não ser o fato de as vítimas serem homens, as investigações seguem em ritmo lento e Erika é cada vez mais cobrada pelo seu superior, mas ela quer descobrir quem é a sombra que se espreita na escuridão e não abrirá mão do caso.
"Só acho estranho que, se estivéssemos investigando um estupro ou assassinato cometido por um homem, não estariam questionando nada. Homens estupram mulheres... e matam também... e as pessoas parecem não achar que eles precisam tanto assim de um 'motivo' para isso... Mas se uma mulher faz a mesma coisa, a sociedade começa a fazer esse exame de consciência todo, um sem-número de opiniões sobre os porquês e os para quês..."
Conforme avança em suas buscas e se aprofunda nas investigações, Erika descobre coisas terríveis sobre o passado dessa serial killer. O que provocou na mulher esse desejo de matar? O que teria de tão ruim em seu passado para ela ter se tornado uma assassina em série? Ela está completamente perturbada, profundamente ferida, e tudo o que ela mais quer é matar! Mas não sem motivo, suas vítimas fazem parte de uma seleta lista que existe apenas em sua cabeça.
Minha impressão
Que livro! Ainda estamos no primeiro mês do ano e Uma Sombra na Escuridão já ganhou um lugar direto para as minhas melhores leituras de 2018. Estou aqui meio eufórica porque acabei de terminar e tinha que vir contar para vocês sobre esse livro. Sério, leiam!

A trama aborda muitos temas difíceis através de uma narrativa eletrizante. Vemos sobre relacionamento abusivo e violência contra a mulher, machismo, pedofilia, suicídio e homofobia; embora sejam assuntos complexos o autor os insere de maneira que não fique uma leitura pesada e consegue nos passa uma mensagem.

A obra é narrada em terceira pessoa e em alguns capítulos podemos entender o que aconteceu com a assassina para que ela tenha ficado assim. Eu gostaria muito de falar mais sobre essa questão, mas seria um spoiler enorme e não vou estragar as surpresas. No entanto, posso adiantar que durante muito tempo ela foi uma vítima e ainda se vê assim, quando se depara com o perfil psicológico montado pela polícia ela se enfurece e não aceita que a vejam como esse monstro que criaram.

Já falei demais sobre o livro e ainda não consegui chegar perto do quanto ele é bom. Esse é o meu gênero literário preferido e estou muito satisfeita por ter realizado essa leitura!

Minha nota para o livro

16 comentários:

  1. Oiiii, reparei que temos um gosto literário parecido, por isso anotei essa dica.
    Eu amo romance policial e tudo que envolve mistério, suspense e investigação.
    Fora que é curioso, né? Fiquei com vontade de tentar "entender" as motivações desse serial.. Dica anotada <3

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  2. Uauu.. Que livro brilhante, que resenha maravilhosa, fiquei muito curiosa para ler este livro depois de ler sua resenha! É bem incomum encontrar mulheres no papel de vilão e confesso que achei a ideia bem legal!! valeu a dica!!

    ResponderExcluir
  3. Eu já fiquei super interessada na obra só pelas fotos e citações que você colocou, me parece ser uma leitura pra lá de emocionante. Achei bacana ver uma mulher como vilã, ainda mais nesse gênero, não é nada comum. Fiquei curiosa porque você não soltou nenhum spoiler haha

    ResponderExcluir
  4. Não seria um livro que me chamaria atenção, pois não sou muito fã de romances policiais, mas o jeito como você falou do livro me deixou curiosa e vou tentar ler.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  5. Ola, eu estou curiosa para ler esse livro pois ele é um dos meus genêro literario favorito e com certeza eu irei amar pois a resenha me empolgou para ler. Dica anotada

    ResponderExcluir
  6. Olá! já li outras resenhas sobre esse livro e ele parece mesmo ser uma leitura que te prende do começo ao fim. Fiquei muito curiosa e vou colocá-lo na minha lista de desejados.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  7. Olá, após conferir sua resenha sobre esse livro, já fiquei super curiosa pra ler esse livro e desvendar esses casos. Legal termos uma detetive na investigação, com esse destaque pras mulheres.

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Amo romance policial e caramba! Curti demais essa premissa! Ainda não li nada desse autor, mas já estou interessada na trama, tem tudo que eu gosto e ainda por cima é uma mulher serial killer! Que demais!

    ResponderExcluir
  9. É muito bom quando não conseguimos falar de uma obra do tanto que ela é boa né. Super te entendo e confesso que sinto falta de me sentir assim. Então vou ler essa obra urgente. Hahahaha

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não li o livro por não ser um dos meus gêneros favoritos, mas desde que foi lançado a premissa me chamou muito a atenção. Ele é uma dica mais do que anotada, mas não sei quando irei lê-lo, vai depender do quanto eu estarei disposta a sair da minha zona de conforto. Adorei suas impressões, parabéns!

    Bjs
    Blog Tell Me a Book

    ResponderExcluir
  11. Geralmente, não cogitam as mulheres como assassinas, há uns dois anos lia uns artigos sobre isso. Gostei da proposta do livro, não conhecia. Gostaria de entender melhor a história dessa assassina. a capa também é bela.

    ResponderExcluir
  12. OMG, preciso ler esse livroo! Parece conter um enredo viciante, e o modo como as vítimas são mortas é bem sinistro haha. A sua resenha está incrível e já estou curiosa para conhecer a história da serial killer. Bjss!

    ResponderExcluir
  13. Curto muito livros de suspense como esse e adorei a premissa dessa obra. Parece ser uma leitura bastante interessante e divertida. Adorei a dica! Boa sorte com o blog!

    Portal GATILHO
    https://portalgatilho.wordpress.com

    ResponderExcluir
  14. Amei conhecer mais sobre esse livro através de sua resenha. Já achava a capa linda e instigante, agora quero ler esse livro e saber mais tanto sobre a assassina quanto a investigadora. Fiquei feliz por já ter iniciado o ano com boas leituras. Um beijo e tudibom.

    ResponderExcluir
  15. A sua resenha é tão empolgante que é difícil não sentir curiosidade pra ler. Fiquei muito interessada, eu já adoro a capa e agora por saber que você gostou tanto já quero muito ler!! Espero mesmo conseguir fazer isso em breve.

    ResponderExcluir
  16. Oi Beatriz, sua linda, tudo bem?
    Estou louca para ler essa série, já viu que a editora trouxe agora o terceiro livro? Gosto muito de histórias de detetive, achei esse crime pesado, a forma como mata as vítimas é muito cruel, parece até vingança. Curiosa para desvendar esse mistério. Sua resenha ficou ótima.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir