30 de janeiro de 2018

[Resenha] 7embro Eterno

Título: 7mbro Eterno
Autor: Oliver Fábio
Editora: Publicação independente (E-book Amazon)
Páginas: 218
Ano: 2017
Adicione ao Skoob
*Cortesia do autor no formato de livro digital


Sinopse: Quando a morte rodeia sua casa e quer arrancar sua família, quais pecados e segredos ela quer revelar? E o mais importante, quem é ELA?

Olga é uma mulher peculiar: esposa, mãe, rica, fina, elegante, dona de casa, beata, sombria e controladora. No tabuleiro da vida, ela gosta das peças em seus devidos lugares – seja marido, filhos, amigos ou situações. Entretanto, após um telefonema numa madrugada chuvosa, os acontecimentos começam a sair do controle e Olga vê sua vida de casa de bonecas se convertendo num tórrido inferno e ela não está preparada para confrontar a morte cara a cara e nem para o grand finale. Nesse setembro eterno e letal, não há santos ou deuses para socorrer Olga Ventura, todavia, ela é astuta, maléfica e diabólica.

Quem vai ganhar essa batalha fatal?

Resenha
O ano era 2016 e a família Ventura estava prestes a desmoronar. O mês de setembro seria marcado por tragédias e revelações, um mês no qual nada ficaria escondido e uma vingança seria concretizada, levando para sempre os segredos que serviram de base para a família nos últimos 16 anos. A história começa em 2000, Olga e Álvaro estavam abandonando tudo para tentar um recomeço, mas essa cena possui tantos mistérios...
"— Estamos indo para uma nova vida. não vamos pensar em amante e traição. Você tem que me prometer que o passado ficará aqui para sempre."
A vida da família Ventura realmente mudou, eles foram morar em um bairro nobre de Brasília e Olga criou os filhos sem limites. Paco, o mais velho, é mimado e sempre consegue o que quer, ainda que precise jogar sujo para alcançar os seus objetivos. Valentina tem lá os seus momentos fúteis, mas tenta fazer a mãe enxergar os próprios preconceitos.
Olga é uma católica fervorosa e usa a sua religião como desculpa para discriminação e arrogância. Ela parece ter estacionado no tempo, vive com uma mente de esposa submissa e, para ela, o lugar de mulher é na cozinha, atendendo aos desejos do marido e cuidando dos filhos. Além de ter um pensamento totalmente retrógrado sobre o papel da mulher na sociedade, ela não aceita relacionamentos homossexuais e faz questão de mostrar a sua opinião preconceituosa.

A amiga de Olga, a Shine, consegue aguentar o seu jeito estúpido e as suas provocações. Shine está presa a um casamento abusivo, mas não consegue perceber que precisa de ajuda para sair dessa situação. Ela tem um filho pequeno, ele é uma criança muito ativa e isso incomoda Olga demais, tanto que ela vai chegar a tomar atitudes drásticas para fazer a criança se calar, mas Shine não vai aceitar, não dessa vez.
A vida perfeita e inabalável que Olga construiu chegou ao final, Álvaro recebeu um telefonema de madrugada e a partir daí as coisas só piorariam. Tragédia após tragédia, Olga Ventura tenta se manter de pé, ela vê a sua família sendo destruída e não sabe mais o que fazer.

Mas tudo o que ela está passando tem um motivo! Ela vai ser confrontada pela verdade e vai descobrir que por trás de tudo... Bem, agora só lendo para descobrir!
Minha impressão
Eu estava muito curiosa com esse livro, a premissa é bem intrigante. Eu gostei da leitura, mas demorei bastante para me envolver com a trama. Achei o começo mais parado e só do meio para o final é que a história me prendeu de verdade. O primeiro capítulo é bem tenso e senti o ritmo se perdendo até chegar à metade, quando (para mim) as coisas começaram a esquentar mais. 

O autor aborda temas importantes na obra, como homofobia, empoderamento feminino, fanatismo religioso, além de fazer críticas sociais bem fundamentadas e que levam o leitor a uma reflexão durante a leitura. 

Os personagens estão bem construídos e desenvolvidos, cada um cumpre o seu papel dentro da trama. Olga é uma personagem detestável, sempre se achando superior, cheia de preconceitos e vícios de linguagem que me deram nos nervos, mas acho que essa tenha sido realmente a intenção. Quem mais se destacou foi Gabriel, o amigo da Valentina. Não vou falar muito sobre ele para não estragar as surpresas, mas ele merece um livro só dele!

O final é totalmente surpreendente, eu realmente não esperava pelo acorrido e gostei e do rumo que o autor deu ao enredo. 

Minha nota para o livro

13 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas a história me chamou bastante atenção. Gosto de livros que nos fazem pensar um pouco na vida e esse parece ser um deles.

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Como você disse, esse livro é realmente muito intrigante. Não imaginava que gostaria tanto da premissa e que me interessaria tanto em fazer essa leitura. Adorei a dica! Não conhecia essa obra, mas já vou acrescentar a minha lista =)
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre fico com receio de ler historias que envolvem religião. Mas fiquei intrigada e com vontade de saber mais sobre esta Olga para entender esse mistério.

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  4. Achei uma história bem curiosa e gostei de saber que aborda temas como empoderamento feminino e fanatismo religioso. Fiquei bem interessada em conhecer melhor essa obra.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  5. Ola, eu tenho esse livro no kindle e não sei porque não li ainda. Fiquei curiosa com o livro sua resenha despertou a minha curiosidade ele já vai para minha tbr desse mes

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Quando vi capa já pensei que séria terror MUITO terror,mas me parece que não é mais uma estrutura "perfeita" caindo.Gosto de livros que abordam os vários tipos de tabus na sociedade,seria uma boa leitura.
    Irei procurar mais sobre.
    ótima resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, eu já li outro livro do autor e estou bem animada para ler esse também, uma pena não ter sido excelente mas mesmo assim ainda me parece interessante.

    ResponderExcluir
  8. oi, Bea. Eu sei que sentiria nojo dessa Olga, só pelo que tu falou dela, nossa...que mulher horrorosa... nunca li nada do autor, mas esse acho que daria uma chance, apesar dos pontos negativos que vc mencionou...
    bjs...

    ResponderExcluir
  9. Uau, me pareceu uma leitura muito intrigante, adorei <3 pena que de início a história não te prendeu tanto, mas vou procurar para ler também.

    ResponderExcluir
  10. Esse me pareceu um livro bem interessante, gostei da capa, porém, o fato de ser digital é um problema para mim, eu curto o livro físico, certamente esse seria um que compraria se tivesse o físico. os temas trabalhados, como fanatismo religioso me interessam.

    ResponderExcluir
  11. Oi Beatriz, tudo bem? Que enredo mais interessante. Conforme fui lendo foi possível perceber porque ele prende tanto nossa atenção. Gosto muito de livro densos, que trazem personagens bem construídos e uma história com conteúdo. Alguns livros as vezes são assim começam meio sem graça mas depois nos conquistam. Ótima resenha. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  12. Olá Beatriz, eu tenho bastante vontade de ler algo do autor, pelo seus comentários o enredo desse parece estar bem bacana e nada melhor que um final que consegue surpreender o leitor *-* Adorei a dica.

    ResponderExcluir
  13. Oi Bia!
    Saber que você demorou para se envolver com a trama já me desanima, mas a trama é bem interessante!
    Bjs

    ResponderExcluir