11 de dezembro de 2017

[Resenha] Destino Mortal

Título: Destino Mortal (Série Destiny, volume 01)
Autora: Suzanne Brockmann
Editora: Valentina
Páginas: 536
Ano: 2014
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora


Sinopse: Expulso de um grupo de elite de forma desonrosa, o ex-Navy SEAL Shane Laughlin está com seus últimos 10 dólares no bolso quando, finalmente, consegue um emprego para participar de um programa de testes no Instituto Obermeyer (IO), uma fundação de pesquisas e desenvolvimento desconhecida do grande público e que trabalha com atividades secretas.

Logo, Shane descobre que existem certos indivíduos que têm a habilidade única de conseguir acesso a regiões inexploradas do cérebro, com resultados extraordinários, incluindo telecinesia, força sobre-humana e reversão do processo de envelhecimento. Conhecidos como Maiorais, essas raras figuras são criadas ou recrutadas pelo IO, onde, rigorosamente treinadas com o auxílio de técnicas ancestrais, conseguem cultivar seus poderes e usá-los de forma responsável.

No entanto, nas profundezas da segunda Grande Depressão dos Estados Unidos, onde o abismo social entre os que têm muito e os que não têm nada ameaça a ordem de forma definitiva, ricaços imprudentes descobriram uma alternativa sedutora na forma de um novo produto: Destiny. Trata-se de uma droga de fabricação quase artesanal, capaz de transformar qualquer pessoa num Maioral, além de oferecer a atração especial de garantir a juventude eterna para o usuário.

O cartel sinistro conhecido como a Organização começou a produzir Destiny em larga escala, e a demanda pela droga se tornou epidêmica. Poucos, porém, sabem do verdadeiro perigo da nova droga, e são ainda em menor número os que detêm o segredo sujo do ingrediente crucial para a fabricação da substância.
Michelle “Mac” Mackenzie é uma das poucas que conhecem toda a verdade.

Resenha
Em um futuro distópico e não muito distante o mundo vive um verdadeiro caos. A população enfrenta uma grande crise e a situação é cada vez mais alarmante. É nesse cenário que descobrimos duas informações importantes. A primeira, alguns seres humanos conseguiram evoluir naturalmente e podem usar uma maior porcentagem de seus cérebros, fazendo com que tenham habilidades elevadas. A segunda, uma droga fortíssima (Destiny) foi criada e as consequências são desastrosas, os usuários tornam-se perigosos e conseguem atingir níveis cerebrais também elevados.

Entre os indivíduos que desenvolvem naturalmente as suas capacidades cerebrais existem algumas divisões, os que exploram até 20% são os potenciais, que são recrutados pelo Instituto Obermeyer e poderão aperfeiçoar e treinar suas habilidades. Alguns destes conseguem chegar em 30% ou 40%, acima disso poucos são capazes de chegar, são os chamados Maiorais. Mac e Diaz são maiorais de nível 50% e trabalham com Bach, o maioral de nível acima dos 70%. Estes três exercem um forte trabalho de campo, apagando os rastros deixados pelos usuários de Destiny.
Mac possui habilidades muito específicas, uma delas é o seu poder de aumentar o seu carisma e se tornar mais atraente para qualquer pessoa. Até conseguir compreender isso, ela sofreu muito ao ser perseguida por homens que se sentiam atraídos por ela e queriam violentá-la, Mac possui um passado traumático e por isso, atualmente, ela não consegue se envolver emocionalmente com nenhum homem, usa-os apenas para saciar seus desejos sexuais.

Shane é um ex-Navy SEAl, em sua última missão ele fez algo que ia contra as ordens recebidas e por isso foi colocado em uma lista negra do governo. Shane foi contatado por alguém do IO por ser um potencial, ele estava completamente sem dinheiro e sem ter noção do que faria da sua vida. Com a promessa de abrigo, comida e roupas, ele aceitou a proposta. Mas como teria que ficar confinado no Instituto, ele resolveu sair uma última noite para curtir, sua intenção era passar a noite na cama com uma mulher.
Mac e Shane se conhecem em um bar, os dois procuravam a mesma coisa e se entregaram aos seus próprios desejos. Foi uma noite de sexo picante e para ambos foi uma experiência intensa. Mac descobriu que através do sexo conseguia aumentar os seus poderes de cura. Quando Shane lhe revela que no dia seguinte ingressaria no Instituto, ela diz que eles não poderão mais se encontrar. Mas essa relação entre eles estava longe de terminar, Shane se apaixonou por ela e não iria desistir tão facilmente de tentar conquistá-la, mas Mac estava certa que essa paixão não passava do efeito das habilidades dela superavançadas de seduzir.

E a chegada de Shane ao IO coincide com o rapto de Nika, jovem de 13 anos que é uma potencial com poderes incríveis e ainda crus, ela estava prestes a ir para o Instituto quando os fabricantes de Destiny a descobriram e a levaram. Nika estava sendo mantida sob tortura, o objetivo era deixá-la no mais completo pavor e através de seu sangue poderiam obter a substância para fabricação da droga. Os maiorais se mobilizam para resgatar a garota e Shane fará o que puder para ajudar também.
Minha impressão
Eu estava muito curiosa com esse livro e agora que eu li eu posso garantir que a obra cumpre com o prometido e que ela atendeu às minhas expectativas. Não é só mais um livro erótico. Claro, há cenas hot (óbvio) e que são muito bem descritas e desenvolvidas, mas vai além, temos um certo suspense, muita ação, um pouco de ficção científica, distopia e romance.

A escrita da autora é gostosa de acompanhar e a trama é completamente envolvente. Temos alguns dramas paralelos e ao longo da leitura acompanhamos cada personagem e os seus dilemas. O livro aborda alguns temas difíceis, como abuso infantil, estupro e faz algumas críticas à sociedade. Gostei muito de acompanhar um outro tema abordado na trama que é a homossexualidade, onde há um romance muito bonito, no qual dois personagens dão uma chance ao amor e se permitem vivenciá-lo.

No final ainda temos um bônus sobre o passado de Shane e podemos ver com detalhes o que realmente aconteceu para ele ter sido expulso e entrado para a lista negra.

Uma leitura que eu recomendo muito.

Minha nota para o livro

14 comentários:

  1. Sou apaixonada por livros de distopias e adorei a sua resenha sobre essa. Acho que iria gostar muito dessa história, afinal, já fiquei curiosa para ler e saber sobre esses 'segredos'.
    Dica anotada!

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Não conhecia o livro mas achei interessante gostei de saber que é bem mais que sexo e se der quero dar a chance e le-lo.
    Beijo
    Raquel Machado
    Leitura kriativa
    Http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Gosto de ver estas distopias, que se aproximam tanto as nossa realidade e pra mim essa mistura com romance adulto é nova, então teria que ler para ver se me agrada, apesar de que a resenha já me deu uma boa animada, dica anotada.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adorei o projeto gráfico que a editora fez no livro. A princípio, lendo a resenha, não é o tipo de leitura que me agrada, mas gostei de ler sua opinião, quem sabe futuramente eu não dê uma chance? Distopia tem sido um gênero que tem me ganhado com facilidade.

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Não é o tipo de livro que eu costumo ler, porém para quem curte é uma ótima pedida, né?! Ótima resenha!

    bjos

    ResponderExcluir
  6. Gosto de tramas que têm um pouco de suspense, mas confesso que os temas abordados não chamaram a minha atenção. Vou deixar passar a dica desta vez!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Não tenho muito costume de ler distopias, mas não tenho nada contra. Dó que na verdade, prefiro ver filmes do gênero, em vez de ler. Não sei explicar o motivo disso, mas acho que fica mais legal na telinha, e esse livro daria um ótimo filme. Claro, se fizessem tudo bem fiel a ele hahaha Mas adorei a resenha, e que bom que você gostou!

    Um beijo, Pri 😘

    Por Amor aos Livros

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Não gosto muito de livros hots,mas esse chamou minha atenção.Por ser distópico e ir além de um romance.Com certeza leria esse livro,vou ate procuras mais sobre.
    Achei a capa bem misteriosa.
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Olhando assim temos a impressão de que o livro é apenas hot, não sabia que aborda outros assuntos, principalmente distopia! É um livro que com certeza gostaria de ler, pelo fato de mesclar tantos gêneros do meu interesse!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Que demais! Tenho lido muitos livros com tema distópico esse ano e estou gostando bastante haha, a história parece ser muito interessante, principalmente por conta das habilidades dos personagens. A sua resenha está ótima e já vou adicionar esse livro na minha lista, bjss!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Não sei dizer o motivo, mas essa série nunca tinha me chamado a atenção antes. Lendo sua resenha, acabei gostando da premissa, mas ainda não sei se leria. Mas valeu a dica.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  12. Olá,

    Comprei esse livro na bienal da minha cidade, faz muito tempo que desejo ler esse livro, desde o lançamento para ser mais exata. Fiquei ainda mais empolgada depois dessa resenha, espero ler logo.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Beatriz ^^
    Pense na minha surpresa ao ler as suas impressões e constatar que a obra não é somente um hot!!!! :O
    Essa questão de usar % da capacidade cerebral me lembra tanto o filme LUCY que é um dos meus filmes favoritos. É interessante pensar que se houvessem pessoas com essa evolução o qual aterrador e desconhecido seria elas em nossa sociedade, há teorias do que elas poderiam fazer mas de fato não sabemos se isso seria possível.
    Voltando ao enredo de Destino Mortal, de certa forma o enredo me lembra a algum outro filme que vim onde havia uma droga sintética para dar as pessoas os poderes de certas pessoas (ou era se transformar numa).
    Realmente, a autora parece usar bem os elementos que tem em mãos e consegue quebrar com o gênero hot de uma maneira que nunca vi antes ser feita.
    Só posso dizer que entrou para minha lista de desejados tal obra.
    Parabéns pela resenha, Beatriz. ^^
    Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Adorei a história! O enredo também me chamou a atenção pelo fato de usar a capacidade cerebral como plano de fundo para os acontecimentos. A história realmente empolga, espero ler em breve.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir