29 de agosto de 2017

[Resenha] Time Riders - O Dia do Predador

Título: Time Riders - O Dia do Predador (Livro 02)
Autor: Alex Scarrow
Editora: Fundamento
Páginas: 416
Ano: 2017
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora


Resenha
No segundo volume dessa série fascinante, os TimeRiders vão viver uma situação completamente assustadora. A série tem como base a viagem no tempo, na missão anterior eles precisaram impedir que alguém voltasse ao passado para entregar a Segunda Guerra Mundial nas mãos de Hitler, agora eles vão enfrentar o período Cretáceo e tentar sobreviver aos ataques de predadores. Qualquer mudança no passado pode atingir drasticamente o futuro, então, um grupo teletransportado para 65 milhões de anos antes é algo que pode mudar o mundo como conhecemos. Continue lendo a resenha e saiba mais sobre a trama.
Não contém spoiler do primeiro volume

Confira aqui a resenha do volume anterior

No volume anterior nós conhecemos Maddy, Sal e Liam, três jovens que foram recrutados em diferentes épocas da história momentos antes de morrerem. Foster, um agente do tempo, entra em contato com cada um deles e os resgata da morte. Os jovens passam a trabalhar para a agência e se tornam TimeRiders. Eles têm como objetivo manter a ordem natural da história e impedir que qualquer mudança aconteça, seja boa ou ruim.

Os jovens vivem um espaço de tempo contínuo entre os dias 10 e 11 de setembro de 2001, em Nova York, pois a presença deles ali não é notada com as Torre Gêmeas sendo atacadas, assim, podem ficar de olho em qualquer mudança. Eles mal haviam sido recrutados e já precisaram entrar em ação, com pouquíssimo treinamento. Alguém tentou fazer com que o Hitler ganhasse a Segunda Guerra Mundial e o resultado disso foi um futuro sombrio. Nesse volume o que encontramos é algo completamente assustador, algo que qualquer pessoa que já tenha assistido ao filme Jurassic Park já se imaginou vivendo... A era dos dinossauros.
Os TimeRiders estavam se recuperando da última missão quando receberam uma mensagem intrigante vinda do futuro. Edward Chan, criador do primeiro estudo sobre a viagem no tempo, foi assassinado em 2015 (antes de criar a teoria) e eles precisam impedir que isso aconteça, porque com Chan morto a viagem do tempo jamais terá sido criada. Mas eles ainda estavam sem a unidade de apoio Bob - uma inteligência artificial - operando em um clone orgânico e precisaram acelerar o processo de criação desse novo clone para que Liam fosse enviado ao futuro.

Com a nova unidade de apoio - dessa vez é Becks, um clone feminino -, Liam chega em 2015 e eles se misturam a um grupo de estudantes que fazia uma visita ao Instituto de Pesquisa de Energia Avançada do Texas, junto aos estudantes estavam Chan e o seu futuro assassino. Liam e Becks estavam encarregados de observar, sem que houvesse intervenção, e depois retornar para a base e criar um plano para impedir o assassinato. Porém, algo dá errado e todo o grupo é jogado em um buraco do tempo que os leva direto para 65 milhões de anos atrás.
Liam, Becks e os adolescentes vão ter que enfrentar uma espécie jamais descoberta e, por isso, não sabem nada sobre ela; a única coisa que entendem (e vão aprender isso da pior maneira possível) é que essa espécie é tão inteligente quanto o homem e que possui uma incrível habilidade de aprender observando.

Enquanto isso, Maddy e Sal - que contam com a ajuda do Bob "funcionando em um computador" - tentam descobrir para quando eles foram transportados e, ainda, um meio de tentar resgatá-los. Mas quando o passado é contaminado com a presença do grupo o futuro entra em uma realidade alternativa e o resultado não é nada bom.
Minha impressão
Nossa, eu estava louca para ler esse livro e amei do começo ao fim. Eu gosto bastante de livros com viagem no tempo e essa série é a melhor! O autor consegue prender a nossa atenção ao longo das páginas e só nos instiga em cada uma delas. Eu fiquei tão fascinada com a leitura que li em 3 dias e isso é só porque eu não tinha tempo, se tivesse com certeza eu teria lido de uma vez. 

Uma das coisas que eu mais gostei nesse volume foi o autor ter inserido uma espécie de dinossauro totalmente fictícia. Essa espécie é adaptável, ela aprende com o grupo que foi levado ao passado e isso provoca um tremendo estrago no futuro. Eu ainda não tinha lido nenhum livro com dinossauros e gostei da experiência. Mesmo que não seja com aqueles super famosos que a gente vê nos filmes eu adorei e justamente por ser algo novo é que eu fiquei tão animada com a leitura. 

Os personagens continuam cativantes e vemos a Maddy ganhando mais espaço, porém ela não consegue agir bem sob pressão e acaba fazendo besteira. Os segredos sobre o recrutamento da Sal são revelados e entendemos como ela sofreu muito antes de se juntar aos TimeRiders. O Liam amadureceu bastante e teve um entrosamento com a Becks bem diferente do que teve com o Bob, ela também ganhou um bom espaço e se adaptou para parecer mais humana. 

E o final desse livro? Nossa, é de matar qualquer um de curiosidade e ansiedade para ler o próximo volume. A trama se encerra em um momento em que temos uma grande revelação sobre um dos personagens. Eu preciso do último volume com urgência!!!! Acho que eu nunca quis tanto uma continuação!!! 

Minha nota para o livro

10 comentários:

  1. Adoreeei esses livros!!! Quero já, pra ontem!
    Seu post me despertou muito interesse e estarei incluindo esse livro na minha listinha de desejados para o próximo mês, quem sabe o compro? Mas sério, fiquei muito entretida, e como você disse, essa inserção dos dinossauros é nova e eu também gostei bastante da ideia. :D

    Um beijo, Karol Vicente
    http://www.palavrasambulantes.com/

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, a leitura é instigante, é ótimo quando a leitura nos envolve do inicio ao fim, a viagem no tempo é um mistério que muitos gostariam de desvendar, amei a resenha.

    ResponderExcluir
  3. Oi.

    Eu não conhecia essa série, mas adoro fantasias e tudo que é relacionado a viagens no tempo.
    Fiquei um pouco perdida no enredo, mas creio que seja porque não li o livro anterior. Mas adorei ficar sabendo sobre essa série e pretendo conferir.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Já quero! Que história incrível. E eu fiquei ainda mais interessada por falar um pouco até sobre Segunda Guerra Mundial e Hitler. Amo essas histórias com viagens no tempo. Desconhecia essa série, mas já anotei pra comprar.

    Ótima resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Beatriz, já quero ler essa série. É a primeira resenha que leio. Eu até tinha visto as capas, mas não dei muito atenção. Eu sou uma apaixonada por histórias com viagem no tempo. São tantas possibilidades do autor trabalhar. E, pela sua resenha, a gente consegue perceber que Scarrow usa muito bem o artifício de poder ir para qualquer época.
    Vou anotar aqui. Espero poder comprar em breve.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olha, ainda não tinha visto o livro por aí, mas achei a premissa interessante, mas ao mesmo tempo bem "viajada" haha, gostei. Gosto de viagem no tempo, apesar de saber que sempre dá problemas. Achei a série atrativa, com certeza daria uma chance. Desta editora li A quinta onda e gostei muito. E esta parece ser bem viciante.

    ResponderExcluir
  7. Oie, ainda não conhecia o livro, porém ele bem interessante pela a viagem no tempo. gostei também por ser uma série. irei colocar na minha lista de leituras futuras.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Uaau! Fiquei passada com esse livro! Adoro histórias com viagens no tempo, universo alternativo.
    Cada passo fico me perguntando como seria o mundo se não tivesse acontecido tantas coisas impactantes, como o atentado do 11 de setembro. Dica anotada com certeza, pois amei a resenha. Beijão!

    ResponderExcluir
  9. Beatriz, deu para perceber bem o quanto você gostou do livro.
    É bom quando uma série nos prende e faz a gente se empolgar com ela.
    Mas diferente de você não me animei em ler, pois não gosto de viagem no tempo, por isso passo a dica dessa vez.

    ResponderExcluir
  10. Oi Bea! Tbm amo livros com a temática de viagem no tempo e as confusões que essas viagens podem causar. Não conhecia essa trilogia, mas sua resenha super empolgada me fez ter vontade de mergulhar nessa aventura que até dinossauro tem. Rs
    Quem sabe não consiga terminar de ler até o lançamento do próximo?
    Bjs

    ResponderExcluir